ARTIGO: O uso de Adjuvantes na Agricultura

Autor: Eng. Agrônomo Mateus Gimenez Carvalho, Mestre em Agronomia e Gerente Técnico do Grupo Inquima.

O sucesso da tecnologia de aplicação de produtos fitossanitários está baseado em três pilares: o produto aplicado, o alvo almejado e o equipamento utilizado para a aplicação. 

O uso do adjuvante agrícola surge como uma das alternativas para combater os impactos causados pelo uso de agroquímicos, porém a escolha precisa ser assertiva. Os adjuvantes são substâncias adicionadas à formulação dos produtos químicos, a fim de ampliar a eficiência do produto, melhorar a emulsão da calda e ajudar na formação das gotas. Além de facilitar a aplicação e/ou minimizar possíveis problemas, o adjuvante garante melhor cobertura das folhas e aumenta a absorção do defensivo.

Como isso acontece? Os adjuvantes proporcionam um aumento da área de contato com a folha através de maior espalhamento da gota e da eliminação de películas de ar entre as gotículas aspergidas e a superfície da folha, gerando maior penetração do produto. Ele também atua como solubilizante, afetando a permeabilidade e aumentando o período de penetração, pois age como umectante, mantendo as gotículas de aspersão indefinidamente úmidas.

Na medida em que os agricultores conhecem melhor seus benefícios, o uso torna-se imprescindível nas aplicações de defensivos, que são utilizados no combate de doenças, pragas e plantas daninhas.

Pensando em aumentar a eficácia das aplicações e a produtividade do agricultor, a Inquima lançou, após anos de pesquisa, dois novos adjuvantes que estão revolucionando o mercado: TA35 GOLD e TA35 ULTRA.

O TA35 GOLD é a combinação perfeita de uma base oleosa e componentes sintéticos dentro de um único produto, o que proporciona uma fórmula inédita quando adicionado à água: a Nanoemulsão. 

Mas o que é a nanoemulsão? É uma dispersão muito fina composta por uma fase de óleo e uma fase aquosa, com tamanho da dispersão (partículas de óleo) em escala nanométrica. Em função do seu tamanho característico, são translúcidas e possuem estabilidade contra a sedimentação. 

Dessa forma, o TA35 GOLD é um adjuvante indicado para aplicações com fungicidas e inseticidas, em que teremos melhores misturas de agroquímicos, qualidade na formação de gotas, e translocação e absorção de ativos, fruto da nanoemulsão conquistada da mistura Água + TA35 GOLD.

Já o TA35 ULTRA, traz em sua formulação uma combinação de uma base oleosa com tensoativos e a adição de ATIVADORES, fazendo com que a translocação e o metabolismo das plantas sejam acelerados. Esse novo adjuvante vem de encontro com uma grande dificuldade da agricultura atual, que é o controle e manejo de plantas daninhas de difícil controle. 

O TA35 ULTRA deve ser aplicado com herbicidas, em que os bioativadores componentes da formulação estimulam a rápida absorção e translocação do ingrediente ativo nas plantas daninhas, desde a folhas até a raiz, acelerando o efeito do herbicida e reduzindo o risco de rebrotes, mesmo em plantas bem desenvolvidas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Inquima